05 janeiro 2008

05 janeiro 2008

Sopa Żurek

9 comentários
 

A sopa Żurek (pronuncia-se 'Júrek') é um dos pratos mais populares da cozinha polaca. É uma sopa bastante completa, perfeita para os dias mais frios, e com um sabor único, graças ao kwas, que não é mais do que farinha de centeio deixada a azedar em água durante uns dias (não se assustem com a descrição - a sopa tem um ligeiro travo amargo, mas não é demasiado forte; na verdade o sabor é muito agradável - e reconfortante). Como qualquer bom prato tradicional, há tantas receitas de Żurek quantos os cozinheiros. A que se segue é a minha, feita a partir de várias que encontrei pela Internet. Saiu bastante bem - já nem foi preciso comer mais nada ao jantar.


Ingredientes (2 pessoas):

Para o kwas:
37,5g de farinha de centeio integral
300ml de água

Para a sopa:
625ml de água
1 cubo de caldo de legumes
200ml de kwas
1 salsicha fresca
1 ovo
cogumelos secos
1/4 de cebola grande
1 folha de louro
1 dente de alho
2 colheres de sopa farinha
sal
pimenta
manjerona seca (ou, em alternativa, orégãos)

Uma sopa Żurek tem de ser planeada com antecedência, devido ao kwas, que demora 5 dias a preparar. Na Polónia é possível comprar em qualquer supermercado garrafas de kwas já feito, mas em Portugal tem mesmo que ser preparado à moda antiga. Para tal, comece por ferver a água. De seguida, coloque a farinha de centeio num recipiente não metálico (uma caixa de plástico ou um boião de vidro servem bem). Deite-lhe só um pouco de água quente e misture até obter uma papa. Deite de seguida o resto da água, misture bem, tape o recipiente com um pano e guarde num local seco durante uns 5 dias. É normal que sinta um leve cheiro a azedo vindo do recipiente durante este tempo - o kwas serve para isso mesmo, para dar um travo amargo à sopa.

Passados os 5 dias é provável que se tenha formado algum bolor à superfície da água - retire-o com cuidado. Filtre de seguida o líquido por um passador para um novo recipiente, e o kwas estará pronto a usar.

Agora a sopa propriamente dita - comece por preparar os ingredientes: coloque uma mão-cheia de cogumelos secos numa taça com água a ferver e deixe-os absorver a água durante uns minutos (não deite fora a água!). Aproveite para picar a cebola e esmagar o dente de alho. Entretanto, ponha a cozer em água o ovo e a salsicha fresca (em tachos separados). Assim que o ovo estiver cozido, descasque-o e reserve. Quanto à salsicha, retire-a quando estiver cozida, corte-a em pedaços pequenos e reserve também.

Aqueça numa panela a água com o cubo de caldo de legumes. Deixe ferver e vá mexendo para desfazer o cubo. Assim que estiver desfeito, junte a cebola picada, a folha de louro partida em pedaços e a salsicha. Deixe ferver durante uns minutos.

De seguida, junte os cogumelos, deitando também um pouco da água onde os deixou de molho. Junte o kwas e o alho esmagado. Tempere nesta altura com sal e pimenta (prove para acertar o tempero). Entretanto, coloque as duas colheres de farinha numa taça pequena e desfaça-as num pouco de água. Junte à sopa, para engrossar. Deixe ferver mais uns minutos.

Para servir, comece por cortar o ovo cozido a meio e deite uma metade em cada um dos pratos. Sirva a sopa por cima e termine polvilhando com manjerona seca. Smacznego!

9 comentários


Elvira disse...

Esta sopa deixou-me curiosa. Parece bem boa! :-)

Abraço.


Inês denmarks_daily disse...

quero experimentar em casa :D
onde arranjaste a farinha?

1 beijinho e obrigada por partilhares*


Chef Janvier disse...

Tem melhor aspecto do que a ideia de fermento deixa antever, e realmente apetece fazer em casa nestes dias frios. Nunca reparei em farinha de centeio - os supermercados normais têm disso?

Que aventura experimentares esta sopa - o sabor saiu parecido com as provas que já fizeste?


Chef Spadanini disse...

Inês e Chef Janvier - comprei a farinha no Celeiro, mas não deve ser difícil encontrá-la nas zonas dietéticas dos bons super ou hipermercados.
Quanto ao sabor, era semelhante às que experimentei em Varsóvia. As salsichas eram diferentes - os polacos usam um tipo de salsicha próprio, que nós não temos cá -, mas tirando isso acho que ficou boa. Não envergonharia um polaco. :)


Deghust disse...

Já está pronta a lista que fazemos todo ano para que seja eleito os melhores blogs gastronomicos. Confira e vote no seu preferido! Em 2007 o grande vencedor foi o blog COMIDINHAS. Este ano pode ser o seu. O resultado sai em Dezembro de 2008. Boa sorte!!!


macaumicau disse...

Hoje foi o meu almoço, mas de pacote :)


Chef Spadanini disse...

Há Żurek de pacote por aí?! Estes holandeses são doidos... :)


macaumicau disse...

A sopa veio da Polonia! Deve ser o equivalente a caldo verde instantaneo...mas nao e' ma' de todo.


Paulo disse...

Eu estou na Polónia e já provei... é bastante boa :)


 
© 2012. Design by Main-Blogger - Blogger Template and Blogging Stuff