23 novembro 2009

23 novembro 2009

Leite-creme simples

3 comentários
 
Passámos quase 1 ano até publicar a primeira receita classificada como “doçaria” aqui no blog e agora até parece que não sabemos fazer outra coisa! A ver se para a semana aparece aqui a receita de garoupa corada com migas soltas e cogumelos – uma delícia que conjuguei há pouco tempo mas que estava boa demais para esperar pela fotografia.

Este leite-creme é uma receita simplificada que recebi, e que nem leva o proverbial açúcar queimado. Mesmo assim, espalhei açúcar branco nas tacinhas e levei à grelha do forno por uns minutos para derreter o açúcar, e valeu mesmo a pena o trabalhinho adicional.

Ingredientes:
8 gemas
2 chávenas de açúcar amarelo
2 litros de leite
1 chávena de custard (farinha de amido de milho)
2 paus de canela
4 cascas de limão


Preparação:
Bata as gemas com o açúcar. Dilua a farinha custard juntando leite a pouco e pouco. Junte todos os ingredientes numa panela e leve ao lume a engrossar e espalhe em travessas ou taças, aromatizando com canela.

Antes da canela, pode deitar açúcar branco e levar à grelha do forno a derreter o açúcar. Quando este fizer bolhinhas ou ganhar cor pode retirar do forno e deitar a canela. Sirva ainda quente.

3 comentários


Cuca disse...

Eu amo, adoro leite creme!
Acho que é das melhores sobremesas!!
Beijos*


Luis Correia disse...

O engraçado da coisa é o uso da famosa 'chavena' como medida arbitrária na culinária.

Não que eu esteja contra, mas na verdade, não custa nada dizer que "a chavena que usei leva X ml".

Eu, que até nem sou muito mauzinho a seguir receitas, acabei por ficar com umas papas maizena bem fixes, em vez de saborear um leite creme...

De qualquer forma, parabens e continuem a deslumbrar o pessoal!


Chef Janvier disse...

Caro Luís Correia,

Tem toda a razão no tema da chávena. Tenho feito várias vezes a conversão desse tipo de medidas, e preocupo-me por vezes em indicar coisas que até caem mais no gosto individual de cada um como seja a quantidade de sal.

Nesta época festiva fiz esta receita várias vezes, e embora o resultado seja bom, não tem sido uniforme, porque tenho tido a maldita preguiça de não anotar pesos, quando é muito fácil de o fazer. A verdade é que esta receita tem sido a minha "sobremesa em três tempos" mas prometo que hei-de colocar quantidades exactas.


 
© 2012. Design by Main-Blogger - Blogger Template and Blogging Stuff